MADEIRA Meteorologia

“Coligação Confiança escondeu custos com as alterações orgânicas efectuadas nos seus mandatos”

Data de publicação
19 Abril 2024
16:20

O Grupo Municipal Funchal Sempre à Frente defendeu hoje que a coligação Confiança “voltou a demonstrar aos funchalenses que não é de confiança, já que pauta as suas declarações públicas pelo populismo e pela omissão de factos. Não só montam narrativas apressadas e sem fundamento, como tentam enganar e esconder aos munícipes a incompetência e irresponsabilidade com que governaram o Funchal durante 8 anos”.

“Sobre as críticas socialistas relativas à criação de uma unidade para acompanhar a diáspora e as migrações, apenas demonstram a visão de quem não acompanha a realidade, parecendo-se mais ao registo defendido por partidos de extrema-direita, desvalorizando, acima de tudo, o papel que representa a nossa comunidade a residir no estrangeiro”, lê-se no mesmo comunicado.

No que diz respeito à acusação da criação de cargos e chefias na Câmara Municipal do Funchal, “era importante que a Confiança viesse a público, com honestidade e frontalidade, dizer quantos reformas fez na orgânica municipal nos oito anos em que esteve à frente do Funchal e, mais importante, tivesse a coragem de dizer, publicamente, quantas dezenas de milhares de euros custou a primeira alteração orgânica que efetuaram, para que desta maneira, os funchalenses fiquem devidamente esclarecidos”, defende a mesma nota, observando que “nenhuma das alterações orgânicas realizadas pelo atual executivo foi com recurso a adjudicações externas, como aquela que aconteceu em 2014, sob a gestão socialista”.

OPINIÃO EM DESTAQUE

88.8 RJM Rádio Jornal da Madeira RÁDIO 88.8 RJM MADEIRA

Ligue-se às Redes RJM 88.8FM

Emissão Online

Em direto

Ouvir Agora
INQUÉRITO / SONDAGEM

Quem vai ganhar a Taça de Portugal?

Enviar Resultados

Mais Lidas

Últimas