Ventura considera que não é tempo de grandes mudanças no Benfica

Redação

Na Madeira, em declarações exclusivas ao JM, André Ventura abordou as próximas eleições do clube lisboeta.

À margem da agenda política que o trouxe à Madeira, André Ventura abordou as eleições antecipadas para os órgãos sociais do Sport Lisboa e Benfica, que acontecem no próximo dia 9 de outubro.

O líder do Chega revelou que tem tentado se manter fora desta discussão, muito por força das suas funções enquanto líder partidária. "Eu tenho tentado que o tema do Benfica não colida com o ato eleitoral e com a perspectiva política".

Ainda assim em declarações exclusivas ao JM ressalvou que é "uma altura importante" para o futuro dos encarnados.

"É preciso que os sócios distingam e decidam com a maior clareza e discernimento possível. Eu acho que não é tempo de grandes mudanças na estrutura do clube. Portanto para bom entendedor, meia palavra basta", considerou André Ventura.