MADEIRA Meteorologia

2.ª mão do play-off vale total de 6.730 euros em multas ao Marítimo

JM-Madeira

JM-Madeira

Data de publicação
17 Junho 2023
17:36

A Liga Portugal publicou as deliberações do Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol relativas à receção do Marítimo ao Estrela da Amadora, a contar para a 2.ª mão do play-off de manutenção/promoção da I Liga, disputada no passado dia 11 de junho. O Marítimo terá que pagar um valor total de 6.730 euros em multas.


A multa mais pesada é de 2.230 euros por comportamento incorreto do público, nomeadamente pela deflagração de um pote de fumo a poucos segundos do início da partida.


Ainda sobre o comportamento incorrecto do público, surge outra multa avaliada em 1.071 euros. Desta feita pelo facto de adeptos verde-rubros terem entoado em uníssono "Filho da p...", aos 52', 55', 65' e 69', e ainda por ter sido arremessada uma garrafa de água vazia para o relvado aos 41'.


Já a segunda multa mais alta, no valor de 1.785 euros, prende-se por utilização de aparelhagem sonora pelo speaker do Marítimo com o jogo a decorrer. Em dez ocasiões, o speaker utilizou o sistema sonoro para manifestar palavras de apoio aos verde-rubros.


O Marítimo também terá que pagar 714 euros por entrada e permanência de objetos não autorizados, nomeadamente de uma bandeira com tamanho superior a um metro quadrado, ilustrada com o emblema do clube e a inscrição "Madeira".


Também surge outra multa de 714 euros, desta feita por violação de deveres de urbanidade e correção por parte de Tiago Lenho. O diretor executivo maritimista em direção ao banco adversário "utilizou gestos e/ou linguagem ofensiva, insultuosa ou abusiva após a marcação de um golo".


Por fim há ainda as multas aos jogadores admoestados com cartão amarelo, concretamente Chucho Ramírez (36€), Edgar Costa (36€), Moises Mosquera (36€), Val Soares (54€) e Zainadine Júnior (54€).


Em relação ao Estrela da Amadora, nota para a multa de 890 euros ao treinador Sérgio Vieira por "gestos e linguagem ofensiva, insultuosa e abusiva" em direção ao ex-técnico verde-rubro José Gomes. E outra de 220 euros por Sérgio Vieira, que tinha sido expulso, ter festejado com a sua equipa no relvado após o final do jogo.

Hélder Teixeira

OPINIÃO EM DESTAQUE

88.8 RJM Rádio Jornal da Madeira RÁDIO 88.8 RJM MADEIRA

Ligue-se às Redes RJM 88.8FM

Emissão Online

Em direto

Ouvir Agora
INQUÉRITO / SONDAGEM

Quem acha que vai governar a Região após as eleições de 26 de maio?

Enviar Resultados

Mais Lidas

Últimas