MADEIRA Meteorologia

PS defende valorização da produção regional e mais rendimentos para os produtores madeirenses

Data de publicação
21 Fevereiro 2024
12:50

A candidatura do PS-Madeira às eleições legislativas assegura que irá insistir, junto do Governo da República, na reivindicação de medidas que permitam ajudar a valorizar a produção regional e aumentar os rendimentos dos produtores madeirenses, algo que, afirma Paulo Cafôfo, o “Governo Regional não tem feito”.

A garantia foi deixada esta manhã, no âmbito de uma visita à empresa ‘SantoQueijo’, uma unidade agroalimentar de transformação de leite e que constitui um “bom exemplo” de economia rural que os socialistas consideram que deve ser incentivada.

Trata-se, como referiu, de uma empresa que ajuda a manter a produção pecuária na ilha, que produz o tradicional requeijão madeirense, “aliando tradição, inovação, diversificação e qualidade e que, estando implantada numa freguesia que sofre de despovoamento – o Santo da Serra – assume um papel fundamental na fixação de pessoas e na dinamização da localidade”.

O candidato socialista assegurou que o PS continuará a encarar a produção alimentar regional como uma “atividade fundamental de soberania e resiliência” e, nesse sentido, irá insistir junto do Governo da República na reivindicação de medidas de empoderamento, capacitação e apoio aos produtores madeirenses.

Como deu conta Paulo Cafôfo, o PS irá continuar a apelar ao cumprimento dos direitos consagrados ao abrigo do Estatuto de Agricultura Familiar, nomeadamente no que diz respeito à simplificação de procedimentos de licenciamento de pequenas agroindústrias e ao acesso a um regime específico de contratação pública para fornecimento de proximidade de bens agroalimentares às cantinas das escolas ou aos hospitais.

O também líder dos socialistas madeirenses quer ainda maior previsibilidade nos subsídios e no calendário de pagamentos que se aplicam à Região, a flexibilização e adequação das medidas à escala regional, o reforço dos apoios do Estado, bem como maior poder negocial para as Regiões no âmbito de mecanismos financeiros de intervenção rápida para acudir às empresas familiares em cenários de quebras de produção.

Medidas que, vincou Paulo Cafôfo, não condicionam a autonomia da Região para definir as melhores políticas de valorização da produção regional e o aumento dos rendimentos líquidos dos produtores madeirenses.

OPINIÃO EM DESTAQUE
Coordenadora do Centro de Estudos de Bioética – Pólo Madeira
11/04/2024 08:00

A finitude da vida é um tema que nos confronta com a essência da nossa existência, levando-nos a refletir sobre o significado e o propósito da nossa passagem...

Ver todos os artigos

88.8 RJM Rádio Jornal da Madeira RÁDIO 88.8 RJM MADEIRA

Ligue-se às Redes RJM 88.8FM

Emissão Online

Em direto

Ouvir Agora
INQUÉRITO / SONDAGEM

Concorda com a mudança regular da hora duas vezes por ano?

Enviar Resultados
RJM PODCASTS

Mais Lidas

Últimas