MADEIRA Meteorologia

Pessoas podem acampar mas zonas de campismo não podem ficar lotadas durante o rali

JM-Madeira

JM-Madeira

Data de publicação
31 Julho 2021
12:35

O vice-presidente do Governo Regional disse que o rali Vinho Madeira deverá contar com um número significativo de campistas nas serras da Região, como é tradição.

"Julgo que vamos ter o mesmo número de pessoas à procura, que geralmente pedem na última semana antes do Rali", que tem início na sexta-feira, mas com ‘shakedown’ na quinta-feira, na zona dos Cardais. "Mas haverá o cuidado de não lotar os espaços afetos para as tendas", ressalvou Pedro Calado, elogiando, todavia, o comportamento cívico que os madeirenses têm demostrado ao longo dos tempos de pandemia, relativamente a grandes aglomerados. De qualquer modo, e como já tinha sido noticiado, haverá reforço policial. "Por mais policiamento que haja, queremos é com que as pessoas, por si só, sejam cumpridoras".

"É uma festa social, um grande evento para toda a Região e muitas famílias procuram este período para tirar férias" e muitas fazem campismo em zonas autorizadas por causa do rali, disse ainda Pedro Calado, que marcou presença na reabertura da sede do Grupo de Campismo de Santo António, no Funchal.

O governante pediu que as pessoas convivam, mas mantendo os cuidados em termos de aglomerados impostos pelas autoridades como forma de conter a pandemia. "Estamos em crer que estão asseguradas as condições mínimas para podermos ir para a rua e estar em convívio salutar e beneficiarmos da festa desportiva e social que é o Rali Vinho de Madeira.

Paula Abreu

OPINIÃO EM DESTAQUE

88.8 RJM Rádio Jornal da Madeira RÁDIO 88.8 RJM MADEIRA

Ligue-se às Redes RJM 88.8FM

Emissão Online

Em direto

Ouvir Agora
INQUÉRITO / SONDAGEM

Considera que o novo governo vai cumprir o mandato?

Enviar Resultados

Mais Lidas

Últimas