MADEIRA Meteorologia

Festival Internacional de Órgão destaca amanhã obra de Josef Rheinberger

JM-Madeira

JM-Madeira

Data de publicação
17 Outubro 2023
11:03

A Igreja de São João Evangelista (Colégio) recebe amanhã, às 21h30, um concerto com o organista Manuel Tomadin, acompanhado por Nikita Kuts (violino) e Pedro Silva (violoncelo). No concerto do 12.º Festival Internacional de Órgão da Madeira, evento promovido pela Secretaria Regional de Turismo e Cultura através da Direção Regional da Cultura, será destacada a obra do compositor Rheinberger.

Assim, o organista italiano Manuel Tomadin, acompanhado por Nikita Kuts (violino) e Pedro Silva (violoncelo), apresentam uma viagem pela obra de Josef Gabriel Rheinberger, compositor e professor de Liechtenstein que nasceu em Vaduz em 1839 e que aos sete anos tornou-se organista da Capela de San Florino, no mesmo país.

Josef Rheinberger, para além de ter sido um dos mais notáveis organistas do seu tempo, foi pioneiro na escrita para órgão e outros instrumentos, no Romantismo. A sua Suite para violino, violoncelo e órgão (executada neste concerto) é uma das mais importantes obras de música de câmara com órgão daquele período, tal como os seus dois concertos para órgão e orquestra o são no plano sinfónico.

Segundo Manuel Tomadin, inicialmente, o pai de Rheinberger opôs-se ao desejo do filho de seguir a vida como músico profissional, mas acabou permitindo ingressar no Conservatório de Munique aos 12 anos. Aos 13 anos foi nomeado vice-organista da igreja da Corte de San Michele. Destacou-se, não apenas como compositor, mas também como professor de música."

"Quando morreu em 1901, em Munique, onde viveu toda a sua vida adulta, tinham sido publicadas quase duzentas obras: música para piano e órgão, concertos de órgão, missas, hinos, música de câmara, sinfonias e aberturas de concertos", adianta o organista sobre o compositor que será destaque no concerto de amanhã. "Mostrou uma capacidade fenomenal na escrita para órgão. As suas sonatas foram aclamadas como: «[...] sem dúvida a contribuição mais válida para a música de órgão desde a época de Mendelssohn [...], caracterizada por uma feliz amálgama de espírito romântico moderno, contraponto magistral e nobre estilo organístico»."

O 12.º Festival Internacional de Órgão da Madeira começou no passado dia 13 de outubro e vai decorrer até ao próximo dia 22. Os concertos, todos com entrada gratuita, vão ter lugar nos concelhos do Funchal e Machico, nomeadamente na Igreja de São João Evangelista (Colégio), Sé, Igreja do Recolhimento do Bom Jesus, Igreja de Santa Luzia, Convento de Santa Clara e Igreja de São Martinho no Funchal, Igreja de Nossa Senhora da Conceição (Machico)e Igreja de Nossa Senhora de Guadalupe (Porto da Cruz).

O programa do Festival pode ser consultado em https://festivaldeorgao.madeira.gov.pt/

Redação

OPINIÃO EM DESTAQUE

88.8 RJM Rádio Jornal da Madeira RÁDIO 88.8 RJM MADEIRA

Ligue-se às Redes RJM 88.8FM

Emissão Online

Em direto

Ouvir Agora
INQUÉRITO / SONDAGEM

Concorda com a mudança regular da hora duas vezes por ano?

Enviar Resultados
RJM PODCASTS

Mais Lidas

Últimas