Última hora: Bispo revoga suspensão do padre Martins

Miguel Silva

A decisão de Nuno Brás acaba de ser divulgada em comunicado da Diocese do Funchal.

O curto texto põe fim a uma longa contenda entre a Diocese e o padre da Ribeira Seca.

Para todos os efeitos, Martins Júnior voltar a ser nomeado Administrador Paroquial da Ribeira Seca.

Veja o comunicado na íntegra:

"No dia vinte e sete de julho de 1977, o Bispo D. Francisco Santana, decretou a suspensão a divinis do Rev.do Padre Martins Júnior. Tendo em consideração que, passados estes anos as razões primeiras que levaram à aplicação e manutenção dessa pena deixaram de existir, o Bispo do funchal, depois de ouvido o Rev.do Padre Martins Júnior e os Conselhos Episcopal e dos Consultores, decidiu revogar a referida pena de suspensão.

O Rev.do Padre Martins Júnior foi nomeado na mesma ocasião Administrador Paroquial da Ribeira Seca.

O Bispo do Funchal vai visitar a Paróquia no dia 14 de julho às 17 horas.

O decreto entrou em vigor no dia 16 de junho deste mesmo ano.

Funchal, 16 de junho de 2019
Solenidade da Santíssima Trindade"