D. Nuno Brás inaugura exposição alusiva à mala da partilha

O bispo do Funchal, D. Nuno Brás, inaugurou este sábado, uma exposição relativa à mala da partilha, que estará patente no Centro Comercial La Vie, no Funchal, até 5 de maio.

Para além da Cáritas, estão envolvidos membros de diversas comunidades como Angola, Venezuela, ou África do Sul.

No fundo estão representadas todas as associações das diferentes comunidades, numa iniciativa que visa precisamente recolher depoimentos migratórios, lançada pelo Papa Francisco e que tem a última etapa na Madeira.

A mala, contendo testemunhos migratórios, chegou à Madeira na noite da passada quarta-feira, trazida em mãos pelo D. Nuno Brás e entregue, no próprio aeroporto, ao Cónego Agostinho Carvalho, de Santa Cruz. O objetivo é efetuar um períplo pela ilha, agregando mais testemunhos para juntar aos 58 que vinham no seu interior, a partir de Beja, último ponto no território continental.

A viagem da ‘Mala da Partilha’ termina precisamente na região, estando agendada para 5 de maio, no Catedral do Funchal, uma celebração ecuménica.

Até lá, irá ‘rodar’ por diferentes paróquias da Região, com última etapa na Boa Nova, a 4 de maio. Domingo, o Clube Motards da Madeira irá, então, transportá-la da Igreja do Caniço, a partir das 16h00, estando agendada a sua entrega, ao Padre Bernardino na Igreja de São Bento, na Ribeira Brava, pelas 17h15.