Bispo convida madeirenses a serem portadores da "boa notícia: Cristo ressuscitou verdadeiramente!"

Guadalupe Pereira

Na sua mensagem de Páscoa, o bispo do Funchal convida os madeirenses a serem portadores da "boa notícia: Cristo ressuscitou verdadeiramente!"

Nesta mensagem, o bispo diz ainda que "Jesus ressuscitado precisa de ti. Precisa de homens e mulheres que aceitem viver a sua novidade; que aceitem arriscar a sua vida anunciando a Boa Nova, o Evangelho: no trabalho, nos tempos de lazer, na vida familiar, na comunidade cristã".

Mesmo em tempo de pandemia, "Jesus quer fazer Páscoa connosco", é esta a solitcitação que D. Nuno Brás deixa aos diocesanos madeirenses e porto-santenses, nesta Páscoa.

Leia a mensagem na íntegra:

"Faz-te portador da Boa Notícia

A Páscoa de Jesus não terminou na manhã daquele primeiro domingo, de há quase dois mil anos, em que os discípulos O viram ressuscitado. A Páscoa de Jesus estende-se, alarga-se pelos séculos, para se fazer nossa Páscoa.

Hoje, Jesus teima em dar vida a todas as realidades onde ainda reina a morte: quer dar vida à solidão dos idosos; quer dar vida àqueles que perderam as razões de viver; quer dar vida às famílias onde o amor desapareceu; quer dar vida a quantos não têm o suficiente para viver.

Quer dar vida à nossa sociedade nacional, onde tantas vezes reina a cultura da morte: do aborto à eutanásia; dos que vendem o seu corpo como objecto aos que vivem mergulhados na dependência das drogas.

Quer dar vida ao nosso mundo, mergulhado em guerras, em escravatura, em pobreza — em multidões que procuram sobreviver e em poucos que esbanjam o que não lhes pertence.

E para isso, para dar vida, para ser vida, Jesus ressuscitado precisa de ti. Precisa de homens e mulheres que aceitem viver a sua novidade; que aceitem arriscar a sua vida anunciando a Boa Nova, o Evangelho: no trabalho, nos tempos de lazer, na vida familiar, na comunidade cristã.

Neste ano, marcado ainda por esta pandemia, Jesus quer fazer Páscoa connosco. Com cada um de nós, que tão facilmente abandonamos a vida da fé para embarcar numa rampa que nos afasta cada vez mais de Deus e dos irmãos.

Por isso te convido: deixa que a ressurreição de Jesus brilhe em ti. Como Maria Madalena ou como os discípulos de Emaús, faz-te portador da Boa Notícia: Cristo ressuscitou verdadeiramente!"