D. Nuno Brás: Renúncia do Advento a favor dos Mosteiros das Clarissas

Guadalupe Pereira

A renúncia do Advento da diocese do Funchal destina-se este ano, “a favor dos dois mosteiros de vida contemplativa que existem na Madeira: as irmãs Clarissas do Mosteiro da Caldeira e do Mosteiro do Lombo dos Aguiares”, anunciou hoje D. Nuno Brás, através de uma mensagem enviada ao Jornal.

De acordo com o bispo, a recolha será efetuada no “ofertório do dia 3 de janeiro”, nas celebrações desse domingo, e será dirigido para “as irmãs Clarissas do Mosteiro da Caldeira e do Mosteiro do Lombo dos Aguiares. São religiosas que passam o dia a rezar por todos nós e pelo mundo inteiro”, explica.

Nesta mesma mensagem, o responsável diocesano lembra que “apesar da situação de pandemia, não vamos deixar de celebrar a Festa”, sublinhando, que será “sempre no respeito pelas indicações dadas pelas autoridades de saúde”.

O Advento, tempo para preparar o Natal que este ano começa dia 29 de novembro, o bispo do Funchal, recorda que “não há Natal sem Jesus. Não há Natal sem que Ele venha ao nosso coração e o transforme”.

“O Senhor quer vir até nós, até à nossa família, até ao nosso coração. Na alegria, e cheios de confiança em Deus, preparemos a Sua chegada”, conclui.