Associação OLHO.te acolheu o regresso da iniciativa 'O Funchal Que Nos Une'

O presidente da Câmara Municipal do Funchal, Miguel Silva Gouveia, acompanhado pelo vereador Rúben Abreu, visitou, na tarde de hoje, a Associação Artística de Solidariedade Social - OLHO.te, neste que foi o regresso ao terreno da iniciativa camarária 'O Funchal Que Nos Une', depois da pausa forçada causada pela pandemia de covid-19.

Na Nazaré, Miguel Silva Gouveia foi recebido por Hugo Castro Andrade, presidente da OLHO.te, e destacou o trabalho de proximidade que a associação tem realizado ao longo dos anos com a população do bairro, um envolvimento que segundo o presidente “em muito tem contribuído para melhorar a qualidade de vida, promover a inclusão social e a participação dos cidadãos na vida da cidade”.

O edil funchalense ofereceu uma moldura com o voto de louvor que a CMF atribuiu recentemente à OLHO.te, e elogiou, de forma especial, todo o trabalho realizado durante a crise sanitária, “foi para nós motivo de muito orgulho saber que no período de quarentena esta associação não abandonou a sua comunidade e realizou diversas iniciativas para apoiar aqueles que mais necessitavam. Apesar das circunstâncias, o trabalho solidário e em prol da comunidade foi garantido, confirmando, se dúvidas houvessem, que no Funchal não deixamos ninguém para trás”.

A Associação OLHO.te foi apoiada em 2019 pela Câmara Municipal do Funchal com cerca de 23 mil euros, através do programa de Atribuição de Apoios Financeiros ao Associativismo e Atividades de Interesse Municipal, e tem sido referenciada por diversas entidades nacionais e internacionais pela qualidade do seu trabalho, onde se destaca o reconhecimento da Fundação Calouste Gulbenkian através do programa PARTIS, Práticas Artísticas para a Inclusão Social, no projeto 'L’Ego do Meu Bairro'.