José Prada exige uma Autonomia “com mais poderes”

Patrícia Gaspar

O deputado social-democrata deixou, está manhã, nas comemorações do Dia da Região, um elogio “a uma população que se manteve firme e colaborante”, na gestão da pandemia.

Lembrando as “injustiças” do Governo da República, Prada considerou que a Madeira não pode deixar passar em branco esta discriminação.

“Aquilo que defendemos é apenas e tão só uma Autonomia com mais poderes e com maior capacidade de resposta para governar uma terra que foi lamentavelmente ignorada nos últimos meses”, afirmou, criticando a cumplicidade do PS-Madeira.

Prada não poupou nas críticas ao PS na falta de apoio à atribuição de uma moratória nas prestações do PAEF, assegurando que não é intenção da Madeira utilizar a Autonomia apenas como base reivindicativa mas vincando que a Região não vai abdicar dos seus direitos.

A revisão da Lei das Finanças Regionais e de um quadro constitucional desajustado são prioridades para a Região, declarou.