“Executivo Socialista enganou a população de Machico quanto à alteração do Feriado Municipal”, critica Norberto Maciel

“É estranho que o Executivo socialista que lidera a Câmara Municipal de Machico fundamente a alteração do Feriado Municipal com base na auscultação e consentimento da população quando a maioria dos cidadãos que reside em Machico não concorda com esta mudança e quer manter o feriado no dia do Senhor dos Milagres”. A afirmação é do presidente da Concelhia do PSD Machico, Norberto Maciel, que acusa o Executivo socialista de enganar a população de Machico, numa postura que “precisa de ser denunciada, até porque defrauda as expetativas da população”.

O "descontentamento da alteração do feriado", conforme explicou, fez-se notar com maior intensidade no dia 9 de outubro de 2019, dia do Senhor do Milagres, com a ausência do feriado. “Um descontentamento que foi evidente nos Paços do Concelho, com inúmeras manifestações de pessoas individuais e com a entrega de um documento com mais de 1.700 assinaturas a pedir a reposição do feriado no dia do Senhor dos Milagres”, lembrou.

“A alteração do feriado tem sido sistematicamente ignorada, assim como ainda não foi promovida qualquer auscultação e a verdade é que o Executivo ignora as sistemáticas solicitações da vereação Social-democrata para colocar o assunto à discussão, ignorando, inclusive, um pedido de votação e discussão do feriado em sede de Assembleia Municipal e o abaixo-assinado que foi entregue pela população de Machico, em reunião de Câmara”, frisou Norberto Maciel, reiterando que este feriado tem de voltar a ser celebrado no dia do Senhor dos Milagres, atendendo à vontade dos Munícipes e à tradição "fortemente enraizada no concelho", a propósito destas celebrações.