Diretor das prisões recetivo a uma parceria para abrir casa de autonomia na Madeira

O diretor geral da Reinserção e Serviços Prisionais (DGRSP), Rómulo Mateus, de visita à Madeira, disse hoje que a abertura de uma casa de autonomia, na Região, destinada a menores condenados, que cumpriram metade da medida de internamento em centros educativos, está dependente de uma parceria com uma instituição regional que queira e tenha os meios para isso.

Rómulo Mateus, que esta tarde foi recebido no Palácio de São Lourenço, pelo Representante da República, pensa que uma casa de autonomia seria "uma situação interessante" para os jovens da Região como medida de aproximação ao meio familiar na fase de transição do internamento.

"Estamos abertos e disponíveis para colaborar com as autoridades locais. Uma parceira é indispensável. É assim que estamos a construir a casa de autonomia de Lisboa, com a parceria da Santa Casa da Misericórdia, e a dos Açores", adiantou.