Santa Cruz adere a iniciativa ‘Dê Troco a Quem Precisa’

O presidente Filipe Sousa e o vereador Jaime silva, com o pelouro do social na Câmara Municipal de Santa Cruz associaram-se hoje, segundo comunicado da autarquia, à campanha ‘Dê Troco a Quem Precisa’, fazendo compras na Farmácia do Cristo Rei, no Caniço.

Em nota de imprensa, lê-se que a “iniciativa, que termina no dia 25 de dezembro, é promovida pelo Programa abem: Rede Solidária do Medicamento, e convida os portugueses a doarem o troco das compras efetuadas na Farmácia ao Fundo Solidário abem”:

Acrescenta a mesma fonte que o “montante angariado será integralmente aplicado na aquisição de medicamentos dos beneficiários abrangidos. Nesta campanha 13 Farmácias da Madeira vão participar”

“Com este gesto o autarca de Santa Cruz, entidade referenciadora do abem, apelou ao espírito altruísta da comunidade da Madeira. Filipe Sousa sublinhou a importância de ajudar e lembrou que em protocolo assinado com a Associação Dignitude, mais de 600 pessoas têm acesso, só no Município de Santa Cruz, a medicamentos gratuitos através do cartão ABEM. Este programa representa para a autarquia um investimento de mais de 80 mil euros”, sublinha a Câmara de Santa Cruz.

Refere ainda que “em Portugal, uma em cada dez pessoas não tem acesso aos medicamentos por falta de dinheiro*, sendo muitas as famílias de baixos rendimentos que não conseguem fazer face à despesa com a medicação prescrita. O Programa abem: apoia, atualmente, um total de 11.809 beneficiários em todo o país”.

Mais informa que “atualmente, a Rede abem: conta com duas entidades referenciadoras no arquipélago da Madeira, sendo elas os municípios de Santa Cruz e Machico”.

“Existe ainda uma rede de 14 Farmácias abem na Madeira, onde os 700 beneficiários, mais de 600 deles no concelho de Santa Cruz, podem aceder, sem custos, aos medicamentos prescritos pelos seus médicos. Desde o início do abem:, a 25 de maio de 2016, já foram dispensadas 16.888 embalagens de medicamentos no arquipélago da Madeira no âmbito do Programa”, ressalta.

Mais informa que o “montante angariado durante o curso da campanha “Dê Troco a Quem Precisa” será cem por cento aplicado na aquisição de medicamentos para os beneficiários abem”:.

“O abem: está presente em todos os distritos do país e regiões autónomas e assenta numa rede de parcerias com entidades locais que referenciam ao programa as famílias em risco. Estas pessoas, quando se tornam beneficiárias do abem:, recebem um cartão que passam a usar na farmácia para levantar os medicamentos de que necessitam, sem qualquer custo”, conclui.