Estudo sobre a ecotaxa custou 40 mil euros ao Governo, acusa o JPP

“Em 2015, disse o sr. secretário do Turismo que a ecotaxa era uma leviandade política, em quatro anos - com o exemplo de Santa Cruz- mudou de ideias”, ironizou Élvio Sousa, garantindo que os valores cobrados no concelho santacruzense são aplicados em investimentos no setor.

O deputado do JPP critica as incoerências demonstradas quanto à taxa turística e adianta que o Governo gastou 40 mil euros num estudo sobre a ecotaxa.

Esta temática, a par com as verbas para a promoção, as taxas aeroportuárias e o plano de contingência para o Aeroporto, têm marcado o debate do Turismo, na Assembleia Legislativa Regional.

Numa conjuntura menos positiva em termos de dormidas, todas as atenções estão centradas nas estratégias definidas para mitigar esta realidade.