Mário Pereira: Secretaria da Saúde tem de ter "arrojo" para exigir soluções à Inclusão

As altas problemáticas são um desafio da Secretaria da Inclusão e é preciso "arrojo" da Secretaria da Saúde para exigir respostas, seja pelo aumento da oferta de lares, seja pelo internamento domiciliário ou implementação de residências de acolhimento, afirma o deputado CDS, Mário Pereira.

As listas de espera existem em todos os serviços de Saúde, diz o centrista que pede mais anestesistas para oferecer mais tempos cirúrgicos.

Mário Pereira apoia o investimento privado na Saúde e considera que tem de haver, da parte da oposição, moderação e responsabilidade nas exigências quanto às listas de espera.

O deputado defende que a Região deve ter a possibilidade de gerir a quota de vagas de formação dos médicos para ajustar as necessidades.

Sobre a sustentabilidade financeira, pede o fim de gastos supérfluos como a duplicação de exames no privado e no público.