Casal junto há 36 anos depois de se apaixonar ‘à primeira vista’ na ilha da Madeira

Um casal está junto há mais de 36 anos depois de se ter apaixonado ‘à primeira vista’ na ilha da Madeira, relata o site Notícias ao Minuto.

De acordo com a mesma fonte, José e Henriqueta são tão felizes hoje como no dia em que se casaram, 11 meses depois de se conhecerem na ilha da Madeira. E hoje, até se vestem de igual.

“A nossa história de amor nasceu de uma viagem de férias que fizemos individualmente para o Funchal. Na altura, encontrava-me em fase de divórcio do meu primeiro casamento. Quando nos vimos pela primeira vez, numa excursão ao pico do Areeiro, ofereci-lhe [à Henriqueta] o lugar junto à janela para ela poder ver melhor a paisagem. A partir daí fizemos todos os percursos turísticos à ilha juntos e nasceu o chamado ‘Amor à primeira vista’. Quando cheguei a Lisboa, prometi-lhe que se não me reconciliasse com a minha ex-mulher, estaria, no outro dia, à sua espera à porta do emprego. E foi isso que aconteceu. Passados 11 meses casámo-nos e somos muito felizes”, relata José à referida publicação.

A certa altura, já depois do casamento, uma grande amiga de José, a quem trata de ‘irmã’, ofereceu ao casal dois corta-vento vermelhos e desde então vestem-se de igual.

Acrescenta o ‘Notícias ao Minuto’ que hoje casal tem “49 pares de t-shirts, 15 pares de pólos, 19 pares de sweatshirts, seis pares de sweaters, quatro pares de pullovers, quatro pares de calças, quatro pares de calções e cinco pares de sapatos” iguais.

O par é descrito pelos familiares e amigos como “almas gémeas” ou “os manos”. “Se não nos vestimos de igual, já acham que estamos zangados”, refere Zé.