Autarquia instala ecopapeleiras em 24 escolas básicas do Funchal

A Câmara Municipal do Funchal informou em comunicado ter dotado 24 escolas básicas de 1º Ciclo do concelho, que estão sob tutela municipal, com ecopapeleiras. A iniciativa, explica a edilidade, é cofinanciada pelo POSEUR e pretende promover a consciencialização ambiental na cidade, especialmente junto dos mais jovens.

A vice-presidente Idalina Perestrelo, que tem a tutela do Ambiente no Município, explica que "este reforço da rede de ecopapeleiras junto das escolas do concelho vem ao encontro das políticas de educação ambiental que temos vindo a desenvolver ao longo dos últimos anos, e é mais um investimento no sentido de potenciar a mudança de paradigma que se impõe na nossa sociedade ao nível dos resíduos."

"Como entidade pública, a Câmara do Funchal tem o dever de estar na linha da frente desta intervenção, que passa, para além da sensibilização, por dotar a cidade de mais e melhores equipamentos enquadrados com estilos de vida sustentável, motivando o civismo dos cidadãos de todas as idades, sendo que os jovens assumem naturalmente um papel fundamental na transformação de consciências para as próximas gerações", prosseguiu a autarca.

Os pontos de instalação foram definidos após um levantamento efetuado junto dos estabelecimentos de ensino do concelho, com as direções das escolas.

Idalina Perestrelo conclui que "este é um projeto para aprofundar, estendendo-se a outros locais estratégicos do concelho, como por exemplo ginásios, entre outros."