Festival da Rota do Atum 2020 promete ser ainda mais ambicioso

O "Festival da Rota do Atum", em Porto Santo, voltará em 2020 com um programa ainda mais ambicioso e com a vontade de ser uma verdadeira alavanca de crescimento turístico na ilha.

Na III edição, que voltará a realizar-se na primeira semana de junho, entre os dias 1 e 8, haverá diversas novidades. Habitantes e cozinheiros porto-santenses e madeirenses marcarão presença no festival para confeccionar diversas especialidades típicas das ilhas, em que para além do atum, também brindarão os comensais com diversos petiscos, num autêntico carrossel de sabores seculares do Porto Santo e Ilha da Madeira. Também serão convidados mais dois países estrangeiros a participarem no evento.

Bruno Martins, diretor do Vila Baleira Resort e mentor deste evento, fez um balanço “extremamente positivo” da segunda edição deste "Festival Rota do Atum", que terminou no passado domingo, realçando o interesse e o empenho dos restaurantes locais e dos turistas que vieram propositadamente e que já questionam quando saem os programas para 2020. “Durante esta semana a ilha teve uma enchente em termos de visitantes e, como tal, foi uma excelente oportunidade para testar um novo modelo e para aumentar o números de jantares temáticos servidos. Naturalmente que não podemos deixar de dissociar o facto de termos tido entre nós a importante participação dos restaurantes aderentes e os prestigiados chefs nacionais e internacionais, que confecionaram pratos originais, sempre com o atum em pano de fundo”.

Ainda de acordo com Bruno Martins, os números preliminares indicam que só no restaurante do Vila Baleira, onde se realizaram os jantares temáticos, serviram-se mais de 700 refeições. “Falta agora contabilizar os números que dizem respeito à afluência aos restaurantes locais, assim como o número de menus ‘Rota do Atum’ servidos em cada um dos espaços aderentes”, acrescentou.

Outro dos momentos altos do evento e que envolveu a restauração local foi o concurso «O Atum é a Estrela». Aberto a profissionais de cozinha com restaurantes em Porto Santo, esta iniciativa pretendeu encontrar as propostas mais criativas em duas categorias: “Profissionais” e “Restaurantes”. Os grandes vencedores foram o cozinheiro Jethazi dos Santos, do restaurante MED, na categoria de «Criatividade», e o grande vencedor foi Ricardo Ferreira, do Restaurante Panorama, localizado na Portela.

A secretária regional do Turismo e Cultura da Madeira, Paula Cabaço, marcou presença no jantar de encerramento e salientou a importância do festival, sublinhando que “valoriza um produto tradicional madeirense, envolvendo toda a comunidade e criando um conjunto de experiências que torna a iniciativa num verdadeiro produto turístico”. Por isso, as entidades públicas da região “vão continuar a apoiar este evento que projeta o Porto Santo enquanto destino turístico”.

Esta II edição do «Festival Rota do Atum» contou, durante sete dias, com mais de trinta iniciativas entre jantares temáticos, um torneio de golfe, workshops, exposições, atividades de pesca, assim como conferências diversas.

Resta referir que a edição deste ano do festival, que envolveu 14 restaurantes locais e 10 profissionais de cozinha nacionais e internacionais, instituições, assim como dezenas de agentes económicos locais e regionais, teve também uma vertente de responsabilidade social em parceria com a organização AIDGLOBAL, uma organização não-governamental que tem como missão educar e sensibilizar para uma cidadania ativa e uma mudança global sustentável.