Investidores apostam na agricultura biológica no Porto Santo

Susy Lobato

Existe, no Porto Santo, um conjunto de interessados em investir na agricultura biológica, disse hoje o secretário regional da Agricultura e Pescas.

«Neste momento, existe já um conjunto de investidores que querem fazer essa prática», afirmou Humberto Vasconcelos, adiantando que «os agricultores estão a receber formação para apreender as técnicas biológicas, para que depois possam pô-las em prática nos seus investimentos».

Congratulando-se pelo facto de existirem cada vez mais interessados nesta área, o governante, que esteve esta tarde na Escola da Apel, no âmbito do Dia Internacional da Diversidade Biológica, transmitiu que o objetivo é, a médio-longo prazo, tornar aquela ilha totalmente biológica.

«É um objetivo ambicioso, mas é importante que uma ilha de excelência, como o Porto Santo, seja sustentável», realçou, acrescentando que o Porto Santo, apesar de ser uma ilha pequena, «tem uma qualidade turística muito grande e tem de ser vendido como um destino diferenciado pela qualidade».

Humberto Vasconcelos lembrou que, a nível de mercado, as práticas biológicas são cada vez mais valorizadas, daí a importância de praticar os métodos biológicos em detrimento da agricultura convencional e dos produtos químicos.

No geral, o secretário diz notar um maior cuidado nessa utilização, sinal de que as ações de sensibilização e de formação junto dos agricultores têm resultado.