Sete aviões já divergiram devido ao vento no Aeroporto da Madeira

Susy Lobato

As rajadas de vento que já ultrapassaram os 65 quilómetros por hora, esta tarde, na zona do Aeroporto da Madeira, já fizeram divergir sete aviões.

Dois deles, da companhia aérea Condor, divergiram para Tenerife. Um avião, da TAP, já voltou entretanto à origem, a Lisboa. Os restantes quatro aterraram no aeroporto do Porto Santo e estão a aguardar que o vento abrande na zona de Santa Cruz.

Segundo apurou o JM, os condicionamentos começaram por volta das 15h25, sendo que, desde então, nenhum avião conseguiu fazer-se à pista do Aeroporto da Madeira.