Pedro Ramos recebeu Associação da Madeira de Esclerose Múltipla

O secretário regional da Saúde, Pedro Ramos, recebeu, hoje, os dirigentes da Associação da Madeira de Esclerose Múltipla (AMEM), recentemente constituída, com o objetivo de apoiar os utentes portadores desta doença.

A Associação da Madeira de Esclerose Múltipla (AMEM) surge na Região, pela primeira vez, e nos seus corpos sociais integram doentes com esclerose múltipla, familiares e amigos e ainda profissionais de saúde. A Associação formalizou a sua constituição em janeiro de 2019 e, no dia 13 de fevereiro, apresentou algumas das suas principais atividades e propósitos ao governante que tutela a área da Saúde na Região, Pedro Ramos.

Para este ano, a AMEM pretende dinamizar um conjunto de atividades no sentido de sensibilizar e promover a divulgação da doença e sua terapêutica junto da sociedade.

A Esclerose Múltipla é uma doença inflamatória, caracterizada pela desmielinização e neurodegeneração no Sistema Nervoso Central. É diagnosticada a partir de uma combinação de sintomas e da evolução que a doença apresenta na pessoa afetada, com recurso a exames clínicos/exames complementares de diagnóstico (Ressonância Magnética Nuclear, Estudo de Potenciais Evocados e Punção Lombar).

No Serviço Regional de Saúde (SESARAM) estão diagnosticados 112 doentes com esclerose múltipla, uma doença predominante nos adultos, com idades entre os 20 e os 40 anos, e que afeta maioritariamente pessoas do género feminino.

As manifestações clínicas da esclerose múltipla variam desde alterações motoras, sensibilidade, visuais, cognitivas, entre outras.

A terapêutica utilizada para o tratamento desta doença tem como principal objetivo controlar a atividade da doença no sentido de atrasar a progressão da incapacidade dos doentes, a prevenção dos surtos e controlo dos sintomas.

A Associação da Madeira de Esclerose Múltipla pode ser contactada através do seguinte email: amem-madeira@gmail.com