DROTA culpa CMF pelas descargas de águas residuais na zona balnear do Gorgulho

A Direção Regional do Ordenamento do Território e Ambiente está preocupada com as descargas de águas residuais na zona balnear do Gorgulho, e disso mesmo deu conta à Câmara Municipal do Funchal, através de um ofício enviado hoje, ao presidente da Câmara Municipal do Funchal.

A diretora regional, Paula Menezes, lembra que o problema persiste, "com danos graves para a qualidade ambiental e perigando a saúde pública».

A diretora regional salienta afirma que a Câmara do Funchal é quem tem a competência e o dever de solucionar este tipo de problema, devendo fazê-lo rapidamente, devido à aproximação da época balnear, e para solucionar um problema que "persiste e macula a imagem da cidade do Funchal e da Região Autónoma da Madeira".