Lobos-marinhos junto ao cais do Sardinha indiciam ritual de acasalamento (com fotos)

Susy Lobato

As imagens de dois lobos-marinhos foram captadas esta quinta-feira pela empresa marítimo-turística "Madeira Sea Emotions" e levam a crer que estejam, possivelmente, em época de reprodução.

"Hoje fomos presenteados com a visita de dois Lobos Marinhos junto ao cais do Sardinha. Esta presença conjunta é muito rara na orla costeira da ilha da Madeira, pelo que ao ocorrer nesta época é muito provável que estejam em ritual de acasalamento", lê-se numa publicação desta empresa marítimo-turística, acompanhada por cerca de uma dezena de fotografias.

Refira-se que esta não é uma situação comum, até porque as previsões apontam para uma população estimada em 25-30 exemplares. É considerada a foca mais rara do mundo e existe unicamente no arquipélago da Madeira, sobretudo nas Ilhas Desertas.

Há cerca de um ano, o Instituto das Florestas e Conservação da Natureza informava que tinham sido detetados dois Lobos-marinhos fêmea, com crias, sendo que um dos nimais estava na praia aberta utilizada normalmente por esta espécie em época de reprodução e, o outro, na entrada de uma gruta.

Estes dois lobo-marinhos, avistados ontem junto ao cais do Sardinha, poderão estar em época de reprodução, o que revela que poderemos ter boas notícias em breve, verificando-se a existência de mais crias.