Presidente da TAP nega que haja compromisso de serviço público para a Madeira

Alberto Pita

O presidente da TAP disse hoje que a companhia aérea não tem qualquer compromisso de serviço público para a Madeira.

"A TAP não opera na modalidade de serviço público" entre o continente e a Madeira, garantiu Antonoaldo Neves, durante a audição da Comissão de Economia, Inovação e Obras Públicas, na Assembleia da República, onde um dos temas principais do debate tem sido as questões relacionadas com a Madeira, nomeadamente os cancelamentos de voos, os limites dos ventos no Aeroporto da Madeira e os preços das passagens.

Ao contrário do que sucede para os Açores e entre a Madeira e o Porto Santo, as ligações do continente para a Madeira foram liberalizadas e por isso a TAP entende que a Madeira está fora dos compromissos de serviço público.

Leia mais sobre o assunto na edição de amanhã do seu JM.