Governo da República “solidário” com a Madeira e “disponível” para esclarecer Bruxelas

O Governo da República vai emitir em breve um comunicado de cinco pontos em que expressa a sua “solidariedade” para com a Madeira e o seu CINM-Centro Internacional de Negócios, manifestando-se “disponível” para prestar todos os esclarecimentos à Comissão Europeia.

O comunicado do governo de Lisboa vai salientar que a posição nacional está a ser coordenada com o Governo Regional da Madeira.

Um dos pontos salienta que o processo de averiguações aberto hoje não terá quaisquer implicações negativas para as empresas sediadas na ZFM.