Calheta assinala Dia Mundial da Árvore com plantação de 12 árvores endémicas

O município da Calheta irá assinalar o Dia Mundial da Árvore e da Floresta amanhã, dia 21 de março, em parceria com a EB1/PE do Estreito da Calheta e a Empresa Palma Real, com uma atividade que consistirá na plantação de 12 árvores endémicas da Floresta Laurissilva, nomeadamente Barbusanos, Loureiros e Tis, à semelhança do que foi feito no ano anterior na EB123/PE Prof. Francisco M. S. Barreto.

Estas árvores serão plantadas nos jardins exteriores da referida escola a partir das 11 horas e contará com a colaboração dos alunos dos 3.º e 4.º anos, assim como com a presença do presidente da Câmara Municipal da Calheta, Carlos Teles.

"Com esta iniciativa, pretende-se chamar a atenção das crianças para que estas possam transmitir aos seus pais e familiares a importância da floresta, uma vez que esta desempenha um papel extremamente valioso, quer a nível ecológico, quer social, pois a gradual destruição da área florestal que tem acontecido nos últimos anos, leva-nos a caminhar para uma menor qualidade de vida", esclarece o Gabinete de Apoio à Vereação, numa nota enviada à imprensa.