CMF vai debater o 20 de Fevereiro oito anos depois

A Câmara Municipal do Funchal vai promover, no próximo sábado, dia 24 de fevereiro, um debate aberto a toda a população, na Reitoria da Universidade da Madeira, e que terá como tema central a aluvião de 20 de fevereiro de 2010, na semana em que se assinalam oito anos sobre esta data fatídica na História do concelho.

A iniciativa foi do Presidente Paulo Cafôfo, que acredita estar na altura de a cidade abordar de uma forma definitivamente madura as consequências da tragédia, com os olhos postos nos desafios que se continuam a colocar ao Funchal a médio e longo-prazo.

A Autarquia preparou, para o efeito, um dia dedicado ao tema, sendo que, da parte da manhã (a partir das 10h), terá lugar uma mesa redonda no Colégio dos Jesuítas, subordinada ao tema "A Natureza, o Fogo e a Água, os Riscos e a Resiliência", e que vai reunir Betâmio de Almeida, Raimundo Quintal, João Baptista, Fernando Curto e José Carlos Marques. A parte da tarde será, por sua vez, passada numa visita de campo, dirigida por Hélder Spínola, e que também será aberta aos interessados. Todas as conclusões da mesa redonda, da participação cívica e da visita de terreno serão publicadas posteriormente pela Autarquia e disponibilizadas à população.

No que respeita ao painel de especialistas, Betâmio de Almeida é uma referência nacional e internacional em diversas áreas da engenharia (hidráulica, energia, recursos hídricos e ambiente) e tem desenvolvido uma intensa atividade nas áreas da segurança de infraestruturas e dos riscos tecnológicos e naturais. Professor Emérito da Universidade Técnica de Lisboa (Instituto Superior Técnico), foi ele o responsável pelo “Estudo de Avaliação do Risco de Aluviões na Ilha da Madeira”, no rescaldo dos eventos de 20 de Fevereiro de 2010.

O geógrafo Raimundo Quintal e o geólogo João Baptista, investigadores reconhecidos de todos os madeirenses, farão, igualmente, parte do painel, que contará ainda com Fernando Curto, Presidente da Associação Nacional de Bombeiros Profissionais e Diretor da Escola do Regimento de Sapadores Bombeiros de Lisboa, e com o Engenheiro José Carlos Marques, Diretor do Departamento de Ciência e Recursos Naturais da Câmara Municipal do Funchal, e que tem sob sua tutela o Parque Ecológico do Funchal. A visita de campo subsequente será, por sua vez, orientada por Hélder Spínola, Doutorado em Biologia Molecular, Professor na Universidade da Madeira e conhecido ambientalista.

A Câmara Municipal do Funchal convida, assim, toda a população a estar presente, porque este será, acima de tudo, um debate de cidadania, que constitui uma oportunidade única para abordar estes temas com especialistas de referência, pretendendo que este seja, necessariamente, um debate de toda a cidade.