Sofia Canha quer acabar com assimetrias sociais na Calheta

Lusa

Sofia Canha, candidata pelo PS à Câmara Municipal da Calheta, diz que quer «acabar com assimetrias sociais» naquele concelho.

Numa ação política realizada esta manhã junto ao edifício da Câmara Municipal da Calheta, Sofia Canha ressalvou que a sua candidatura à Câmara Municipal da Calheta «assenta em diversas vertentes», nomeadamente, «no desenvolvimento social, na valorização da educação e cultura, no desenvolvimento económico, bem como na diversificação empresarial que crie mais oportunidades de emprego e desenvolvimento sustentado».

Sofia Canha disse também querer «assegurar que todas as oportunidades de desenvolvimento cheguem a toda a população, acabando assim com as desigualdades sociais», lembrando que, «nos últimos quarenta anos de governação do PSD têm sido escamoteadas e escondidas as fragilidades, deste município, querendo dar uma imagem que tudo é perfeito, quando na verdade não é isso que acontece».

A candidata defende ainda «um plano estratégico que salvaguarde a população, dando resposta aos seus problemas».