CDS apresenta voto de congratulação pelo Dia internacional de Educação

Paula Abreu

Foi apresentado, pela deputada do CDS/PP, um voto de congratulação pelo Dia Internacional da Educação.

Na sessão plenária desta manhã, na Assembleia Legislativa da Madeira, presidida por José Manuel Rodrigues, a parlamentar centrista recordou a importância da data, com a evolução do sistema educativo a nível internacional e, em particular na Região, mas isso sem esquecer as crianças que em várias partes do mundo, não têm acesso à escola.

Seguiram-se as opiniões dos partidos, com Elisa Seixas, do PS, a reconhecer as melhorias na Educação na Madeira, mas, há uma realidade que não pode ser escondida: "não vale a pena fingir que não somos a região mais pobre do país" e que isso se reflete no acesso à educação com qualidade pelas crianças mais carenciadas.

Do JPP, Paulo Alves considerou que, a nível nacional, tem havido contenção no investimento na Educação, com consequências como as que se tem visto com as greves dos professores e prejuízos para os alunos. Todavia, na Madeira, a educação não pode ser pintada apenas pelos aspetos positivos. Nesse sentido, lembrou que há docentes em precariedade e que é necessário um novo modelo de avaliação dos professores, entre outras alterações.

Do PSD, Sónia Silva destacou a estabilidade que se vive na Região.

Neste momento, Bruno Melim apresenta o projeto de proposta de Lei à Assembleia da República, da autoria do PSD, intitulado " Estatuto do Estudante Deslocado Insular".