Carlos Correia abre portas a exposição na Capela da Boa Viagem

Daniel Faria

Um dos vencedores da Bolsa de Criação Artística na vertente de artes visuais, Carlos A. Correia promove na Capela da Boa Viagem a sua exposição intitulada “Flores Tardias”, que tem como tema principal a flora, o seu comportamento e a perceção sobre a mesma.

O projeto 'Flores Tardias' foi a residência artística vencedora do ano 2021, no âmbito do programa desenvolvido pela Câmara Municipal do Funchal (CMF), Bolsas de Criação Artística.

A proposta reúne levantamento fotográfico, catalogação e registo sonoro da flora, com destaque ao Dragoeiro (dracaena draco), espécie apresentada na exposição.

Carlos A. Correia nasceu no Seixal em 1989 e é formado em artes visuais com mestrado em Belas Artes pela Trondheim Academy of Fine Art, desde 2015.

Atualmente vive em Trondheim, onde tem vindo a expor regularmente os seus trabalhos, bem como em Portugal.

O concurso das Bolsas de Criação Artística tem como objetivo apoiar os criadores com projetos nas artes visuais, artes performativas, escrita e procura proporcionar aos artistas um contexto positivo ao desenvolvimento das suas práticas profissionais.

A visita à exposição é gratuita e está disponível até o dia 28 de outubro de 2022.