Técnicos da saúde em greve hoje e amanhã

Algumas dezenas de técnicos superiores das áreas de diagnóstico e terapêutica concentraram-se esta manhã em frente ao hospital Dr. Nélio Mendonça, no Funchal, no primeiro de dois dias de greve.

No essencial, os profissionais lutam pelo desbloqueio das negociações, em cumprimento dos acordos de novembro de 2016 e junho de 2017. Defendem, igualmente, equidade no tratamento dos profissionais de saúde, corrigindo as assimetrias constituídas.

Entre as razões para estes dois dias de greve, convocada pelo Sindicato Nacional dos Técnicos Superiores de Saúde das Áreas de Diagnóstico e Terapêutica para hoje e amanhã, está também a reposição do acordo firmado e violado pelo Governo, reduzindo a cota de lugares de topo de carreira em 50%.