Alunos Escola da Ribeira Brava angariaram 35 caixotes com bens para a Ucrânia

Iolanda Chaves

Duas turmas do 12.º ano da Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares, da Ribeira Brava, angariaram bens de primeira necessidade destinados aos refugiados ucranianos acolhidos na Polónia.

A ideia partiu de uma aluna, Susana Gonçalves, que, entusiasticamente e em tempo recorde, conseguiu mobilizar toda a comunidade escolar e contou com contributos da sala do pré-escolar da escola básica da Ribeira Brava.

Tudo aconteceu no regresso da pausa escolar do Carnaval, tendo em vista apanhar a 'boleia' da campanha dos CTT, conforme disse ao JM a professora responsável, Elisa Leitão.

Os jovens alunos conseguiram encher 35 caixotes grandes (nã foto está apenas uma amostra) com bens alimentares, produtos para bebé, produtos de higiene, kits de primeiros socorros, roupa de aquecimento e também edredões e mantas.

A carga arranca (ou arrancou) hoje e tem como destino a fronteira entre a Ucrânia e a Polónia aonde não páram de chegar refugiados, sobretudo mulheres, jovens e crianças.