Funchal já tem 31 ruas do Centro Histórico com códigos QR turísticos

Redação

A Câmara Municipal do Funchal informou hoje que concluiu, na semana passada, a segunda fase do projeto “Ruas do Funchal – QRC Informativo”, que no total já instalou 88 códigos QR em 31 ruas do Centro Histórico, permitindo que turistas e residentes acedam a informação específica sobre cada rua: origem do topónimo, informação histórica, arquitetónica e Lojas com História, entre outras curiosidades.

Segundo Miguel Silva Gouveia este projeto enquadra-se na "Estratégia Municipal para o Turismo do Funchal" e "preconiza a qualificação de um destino que se quer cada vez mais inteligente e inclusivo".

"Numa altura crucial para a cidade e para a Região, em que tem início uma retoma generalizada da atividade económica, não temos dúvidas de que será determinante estimular, promover e valorizar a nossa oferta turística, e uma boa forma de começar é pelo nosso património", afirmou o presidente, salientando que, “ao tornarmos acessível a informação própria de cada rua, inclusive com curiosidades que podem ser desconhecidas dos madeirenses, estamos a permitir que todos os residentes e todos aqueles que nos visitam vejam a cidade de maneira diferente”.

De salientar que este projeto consiste na instalação de placas com códigos QR, cuja leitura remete para informação de texto e imagem disponível no portal Visit Funchal, em http://www.visitfunchal.pt/pt/descobrir.html#ruas-do-funchal, estando disponível em português e inglês. O projeto arrancou, na 1ª fase, na Avenida Arriaga, Avenida Zarco, Rua João Tavira, Rua da Alfândega, Rua do Aljube, Rua dos Ferreiros, Rua de Santa Maria, Rua dos Murças, Rua dos Tanoeiros e Rua Dr. Fernão de Ornelas.

O projeto foi, entretanto, alargado a toda a Baixa, estando agora disponível também na Rua do Esmeraldo, Rua do Sabão, Avenida do Mar, Rua 5 de Outubro, Rua 31 Janeiro, Rua D. Carlos I, Rua da Boa Viagem, Rua do Hospital Velho, Rua do Carmo, Travessa do Forno, Rua do Marquês, Rua do Bispo, Rua do Castanheiro e Rua de São Francisco.