“Filhos dos ricos em Lisboa vão depois diretamente para Oxford e Cambridge”, Albuquerque

David Spranger

Miguel Albuquerque considera que no território continental é que estão as desigualdades aludidas numa intervenção de Paulo Cafôfo.

“Lá é que estão desigualdades”, disse o presidente do Governo Regional.

“Os ricos em Lisboa colocam os filhos nos colégios onde se pagam 4.000 euros por mês, onde vão depois diretamente para Oxford e Cambridge”, disse Albuquerque.

“Aqui garante-se a escola pública, aqui, qualquer cidadão pode por os seus filhos onde escolher e garantir a igualdade social”, assegura Albuquerque.