Sindicato ameaça com greve na HF e sugere afastamento da direção

Patrícia Gaspar

O vice-presidente do SNM, Manuel Oliveira, garantiu, esta tarde, que se a empresa Horários do Funchal (HF) aplicar, na próxima segunda-feira, as alterações às escalas e aos horários dos trabalhadores vai avançar com uma nova greve.

O sindicalista acusa a transportadora de “perseguir” os motoristas e apela à intervenção do presidente do Governo.

“Esta administração já não está em condições de fazer parte da solução, se está cansada que vá descansar”, critica.

Manuel Oliveira estranhou também a presença em peso do conselho de administração da HF num plenário realizado hoje, entre as 11h30 e as 15h30, considerando ser esta uma situação ‘sui generis’.

De acordo com o porta-voz do SNM, neste plenário participaram 145 trabalhadores, uma afluência que terá tido um impacto da ordem dos 90% na operação da HF.