Albuquerque confiante de que não há cadeia de transmissão de covid 19 no Porto Santo

David Spranger

O presidente do Governo Regional garantiu, esta manhã, que a situação da pandemia no Porto Santo está controlada, não havendo qualquer cadeia de transmissão de covid-19, depois de ter surgido “algum alarmismo” na segunda-feira.

Recorde-se que, ontem, 14 pessoas tiveram de ficar em quarentena, 11 das quais na ilha dourada, por ter sido detetado um caso positivo de uma turista portuguesa que esteve duas semanas de férias na Região. Do grupo de contactos diretos, está o apresentador Jorge Gabriel, em quarentena em Lisboa, cujo teste deu negativo.

À margem da visita às obras de repavimentação da estrada da Boca da Corrida, no Jardim da Serra, Câmara de Lobos, Miguel Albuquerque disse aos jornalistas que “neste momento, a situação de monitorização e de controlo do Porto Santo está concretizada. Foi um trabalho excelente dos serviços de saúde do Porto Santo”.

O governante esclareceu que a turista chegou à Madeira no dia 5 de agosto, com um teste negativo à covid-19, e viajou para o Porto Santo, de barco, no dia 7, onde ficou alguns dias. No dia 17, teve sintomas e quando regressou a Lisboa foi detetada que estava infetada. “Os serviços regionais de Saúde do Porto Santo já testaram a maioria das 14 pessoas, com testes negativos e estão a ser seguidas, com medidas profiláticas de isolamento”. Miguel Albuquerque está confiante de que não haverá, neste contexto, qualquer cadeia de transmissão neste momento.