Regresso às aulas na Madeira vai ter mais regras

Além das turmas mais reduzidas e dos horários invulgares, os alunos vão encontrar várias alterações nas suas rotinas no próximo ano letivo.

Por causa da pandemia, as escolas preparam horários desfasados, reforço na higienização, corredores para entradas e saídas e alterações nos refeitórios. O JM antecipa, na notícia que faz a manchete na edição deste domingo, algumas das medidas na Jaime Moniz, Francisco Franco, Ângelo Augusto da Silva, Gonçalves Zarco e Horácio Bento de Gouveia.

Destaque na edição de hoje para o comércio na serra, que espera pelos turistas. Ribeiro Frio, Poiso e Cabo Girão são dos locais mais frequentados por turistas. Este ano, as empresas vivem quase só com clientes madeirenses e queixam-se da crise, como será possível ler nas páginas 10 e 11.

Ainda quanto às férias de Marcelo, saiba que este prometeu um regresso em fevereiro. Depois das férias sem companhia, o Presidente promete regressar em trabalho ao Porto Santo.

Lobo Marinho com prejuízo de 2,5 milhões é outro dos destaques do JM de hoje, em que no primeiro semestre deste ano, o navio perdeu 92 mil passageiros na linha do Porto Santo.

Saiba por fim que a Casa do Povo da Tabua está fechada há mais de um ano. No suplemento desportivo, não perca tudo sobre o dia histórico de Miguel Nunes.

Tudo isto e muito mais na edição impressa de hoje do seu JM, já disponível nos locais habituais e na plataforma digital.