MADEIRA Meteorologia

"O dinheiro da Europa é de todos nós" lembra Célia Pessegueiro

JM-Madeira

JM-Madeira

Data de publicação
04 Setembro 2021
19:09

"O dinheiro da Europa não é de nenhum partido, não é de nenhum governo, é de todos nós", lembrou hoje, num almoço-comício, a candidata do PS à Câmara da Ponta do Sol, atual edil deste município.

Célia Pessegueiro, que contou com a presença do presidente do PS-Madeira, Paulo Cafôfo, no evento, sublinhou que faz parte dos objetivos do seu programa eleitoral "dar seguimento aos 10 projetos para caminhos agrícolas no concelho".

A candidata adiantou que, nos próximos dias, fará chegar ao Governo Regional uma lista com os 10 projetos para caminhos agrícolas, contado receber uma resposta positiva que resulte na abertura dos avisos.

Se tal abertura não acontecer disse que vai avançar para uma queixa contra o GR junto da União Europeia.

"Se continuar a discriminação e o uso dos dinheiros comunitários com fins partidários nós vamos apresentar queixa junto da Autoridade de Gestão dos Fundos e junto da União Europeia por fraude e discriminação no uso de fundos comunitários", afirmou.

A atual presidente da autarquia diz ter "a certeza que essa queixa será atendida porque os dinheiros não são para serem usados pelos partidos, nem em chantagem em campanhas eleitorais, as verbas são de toda a população. Vão ter luta da nossa parte e não vão usar essa ameaça contra a população da Ponta do Sol".

Ao intervir no almoço-comício, Paulo Cafôfo salientou que "o PS apoia e acredita verdadeiramente no poder local" e acusou o Governo Regional "de ter colocado as câmara municipais à margem da gestão das verbas provenientes da 'bazuca' europeia, tratando o poder local como órgãos inúteis".

"Há aqui tiques centralistas, tiques colonialistas de quem se diz autonomista, mas não respeita a autonomia do poder local, nem valoriza o poder local", considerou. Vê por isso "com muita preocupação a distribuição dessas verbas pelo PSD.

Relativamente à Ponta do Sol desejou uma maioria do PS para que "possa avançar sem bloqueios", como os que aconteceram no presente mandado.

"Não foi um bloqueio contra a Célia Pessegueiro, ou contra o PS, foi um bloqueio contra os ponta-solenses", frisou.

Elogiando o trabalho realizado pela administração local socialista disse que "a Célia Pessegueiro tem colocado a Ponta do Sol no mapa, não só porque é a primeira mulher a ser eleita como presidente de Câmara, mas por ter sido uma referência na liderança dos destinos da Ponta do Sol".

Iolanda Chaves

OPINIÃO EM DESTAQUE

88.8 RJM Rádio Jornal da Madeira RÁDIO 88.8 RJM MADEIRA

Ligue-se às Redes RJM 88.8FM

Emissão Online

Em direto

Ouvir Agora
INQUÉRITO / SONDAGEM

Quem vence o Campeonato Europeu de Futebol?

Enviar Resultados

Mais Lidas

Últimas