MADEIRA Meteorologia

III Congresso São Jorge: Combater assimetrias Norte/Sul é objetivo

JM-Madeira

JM-Madeira

Data de publicação
18 Agosto 2022
12:44

Prossegue o III Congresso São Jorge - Memória e Futuro, que acontece no auditório da Escola EB23 de São Jorge, onde agora se debate os desafios e perspetivas futuras entre os presidentes de câmara numa mesa-redonda, cuja moderação está a cargo do jornalista Miguel Silva.

Os três presidentes dos três concelhos da Costa Norte, Dinarte Fernandes (Santana), José António Garcês (São Vicente) e Emanuel Câmara (Porto Moniz), reúnem-se esta manhã para falar dos seus concelhos e do Norte.

Dinarte Fernandes foi o primeiro a usar da palavra, seguindo-se José António Garcês e Emanuel Câmara.
Os três concordaram que partidos à parte, primeiro estão os interesses das terras que representam. José António Garcês disse mesmo que "a questão partidária não é obstáculo" nas boas relações com o Governo Regional para que se trabalhe em prol desta zona geográfica.

Vantagens ‘naturais’
"O Norte já tem valor em termos paisagísticos. Temos é de acrescentar alguma coisa e preservar aquilo que os nossos antepassados construíram", observou Emanuel Câmara. "É importante conseguir recuperar a população que se perdeu nos últimos anos", afirmou, explicando que há que criar condições para as pessoas se fixarem. "As imagens da Costa Norte projetam a Madeira", aditou Câmara, explicando que a maioria das imagens que promovem o destino Madeira são da Costa Norte. Na questão dos incentivos, o presidente do Porto Moniz evocou a necessidade um incentivo fiscal para as empresas se fixarem aqui.

Por seu turno, Garcês abordou a questão da habitação explicando, a título de exemplo, a discrepância em atribuição de fogos de habitação em que para o Norte são atribuídos menos fogos do que os que são atribuídos para a Costa Sul. Habitação a custos controlados é o que defende, exortando que a política regional de habitação deveria direcionar as pessoas para viver nesta região. "Potenciar a Costa Norte com habitação a custos acessíveis", pormenorizou.

O trio assegura que a dicotomia Norte - Sul tem também de ser esbatida e passar a descriminar o Norte "positivamente".

Romina Barreto

OPINIÃO EM DESTAQUE

88.8 RJM Rádio Jornal da Madeira RÁDIO 88.8 RJM MADEIRA

Ligue-se às Redes RJM 88.8FM

Emissão Online

Em direto

Ouvir Agora
INQUÉRITO / SONDAGEM

Há condições para o Orçamento da Região ser aprovado esta semana?

Enviar Resultados

Mais Lidas

Últimas