Líder da Organização Mundial de Saúde comovido com apelo de CR7

O diretor-geral da Organização Mundial de Saúde (OMS), Tedros Adhanom Ghebreyesus, mostrou-se comovido com o apelo feito ontem por Cristiano Ronaldo nas redes sociais, sobre os esforços da OMS durante a pandemia de Covid-19.

“Estou emocionado com sua mensagem de compaixão para o mundo hoje, Cristiano”, começou por escrever o diretor-geral da OMS, na sua conta oficial do Twiiter.

“Proteger todas as vidas de COVID-19 deve ser a maior prioridade! A quem agradece a sua solidariedade. Eu também estou pensando em Daniele Rugani e em todos os outros que estão lutando contra o coronavírus”, escreveu.

Recorde-se que o companheiro de equipa de Cristiano Ronaldo, Daniele Rugani, está infetado com Covid-19, tendo colocado toda a equipa da Juventus de quarentena.

O craque madeirense, que se encontra na Madeira, garantiu que respeitou “todas as condições de segurança” para vir à Região, após o AVC Isquémico da mãe.