Pessoas: Cirurgia plástica de Ângelo Rodrigues correu bem mas infeção não está curada

Ângelo Rodrigues está a recuperar bem da intervenção a que foi submetido esta quarta-feira e que dá início ao processo de reconstrução plástica das zonas afetadas pela grave infeção provocada por uma injeção de testosterona, avança o Correio da Manhã.

Desde que foi internado no Hospital Garcia de Orta, em Almada, no dia 22 de agosto, Ângelo Rodrigues já foi submetido a quatro cirurgias, mas estas tinham como principal objetivo retirar tecidos mortos e músculos infetados numa área que vai desde o pé à zona lombar do lado esquerdo do corpo.

Agora, apesar de a infeção ainda não estar totalmente debelada, os médicos decidiram avançar já com o processo de reconstrução plástica, que é constituído por várias etapas.

Entretanto, o ator continua a deslocar-se de ambulância ao Hospital das Forças Armadas, em Lisboa, para prosseguir os tratamentos numa câmara hiperbárica, por forma a permitir uma cicatrização mais rápida das feridas. Não se sabe quantas sessões deste tratamento ainda terá de efetuar.