Albuquerque: "Lançaram um boato terrível a dizer que eu era toxicodependente"

"Lançaram um boato terrível a dizer que eu era toxicodependente", explicou Miguel Albuquerque em conversa com Cristina Ferreira.

O presidente do Governo Regional mostrou-se indignado:

"Eu tive um problema renal, com um rim quase em falência e tive de usar um cateter. Nessa sequência, lançaram um boato terrível a dizer que eu era toxicodependente. É um boato nojento de pessoas sem escrúpulos e nunca falei sobre isso, foi uma coisa muito constrangedora. São boatos lançados por profissionais da calúnia e da difamação. É a primeira vez que falo sobre este assunto, é uma calúnia vergonhosa, tem algum impacto na família, os meus filhos andaram perturbados por causa disso. É uma calúnia vil, abjeta".