Iker Casillas diz ter sido hackeado e pede desculpas à comunidade LGBT

Redação

Iker Casillas pediu, esta tarde, desculpa à comunidade LGBT, após uma publicação, no Twitter, em que se assumia como homossexual. No entanto, o ex-internaiconal fez saber que foi hackeado.

“Conta hackeada. Por sorte, tudo em ordem. Peço desculpa a todos os meus seguidores. E, claro, ainda mais à comunidade LGBT", pode ler-se na publicação.

Recorde-se que Iker Casillas surpreendeu, este domingo, os seus fãs, após ter feito um anúncio inesperado na sua conta oficial de Twitter.

"Espero que me respeitem: sou gay. Feliz domingo", le-se na publicação feita esta tarde, a qual acabou por ser alvo de muitas partilhas e comentários.

Já na altura eram vários os internautas que se questionavam se a conta do ex-jogador fora hackeada, uma vez que o tweet foi, pouco depois, eliminado.