Sara Carreira morreu há um ano

Edna Baptista

Foi precisamente há um ano que Portugal ficou de lágrimas nos olhos com a trágica partida de Sara Carreira, a filha mais nova de Tony Carreira.

Recorde-se que a cantora de 21 anos faleceu num acidente viação na A1, na zona de Santarém, numa noite de tempestade, quando regressava de uma viagem ao Porto.

O seu namorado Ivo Lucas era quem seguia ao volante da viatura e que também ficou em estado grave, com uma fratura exposta num dos braços.

Deste acidente resultaram ainda outros três feridos, incluindo a fadista Cristina Branco que tinha tido um acidente antes e se encontrava na via, e cortou o trânsito na A1, no sentido Norte-Sul.

A notícia chocou o país, tendo muitos recorrido às redes sociais para prestar homenagem a Sara e enviar mensagens de apoio e força à família Carreira e ao companheiro da jovem.

Entretanto, a investigação ao acidente apurou que Ivo Lucas seguia a 128 quilómetros por hora no momento do embate, tendo o cantor sido constituído arguido por homicídio negligente da namorada, por conduzir em excesso de velocidade, num piso escorregadio.

Também à fadista Cristina Branco que se encontrava noutra viatura e ao condutor do Volkswagen é imputada negligência, porque deveriam ter sinalizado atempadamente o acidente que antecedeu e levou a esta tragédia.

Está agora nas mãos do Ministério Público analisar o relatório final da GNR sobre o acidente e avaliar a responsabilidade penal dos envolvidos.

De recordar ainda, para prestar homenagem ao membro mais novo dos Carreira, a família criou a Associação Sara Carreira, que ajuda jovens a seguirem os seus sonhos, apoiando-os com bolsas de estudo.