Pai de Britney Spears contratou empresa para gravar conversas privadas da filha

Jamie Spears, pai de Britney Spears, contratou uma empresa de segurança para monitorizar e gravar as conversas privadas da artista, bem como para ter acesso ao seu histórico de internet.

A revelação feita por um funcionário da empresa responsável, a Black Box, e dada a conhecer no novo documentário “Controlling Britney Spears”, acerca da controvérsia entre a cantora e o seu progenitor, de quem Britney pediu o fim da tutela,

Interações com o seu namorado e até com os seus filhos terão sido algumas das conversações gravadas.

Recorde-se que nos Estado Unidos é considerado ilícita a gravação de conversas privadas sem consentimento de ambas as partes.

Conforme noticia o The Times, foi o advogado de Jamie Spears que reagiu a esta revelação, afirmando que as s ações do pai da cantora "se inseriram nos parâmetros da sua autoridade [enquanto tutor]" e foram feitas "com o conhecimento e consentimento de Britney".