Documentário apoiado pelo município do Funchal exibido hoje na RTP 2

Redação

A RTP 2 vai exibir hoje, pelas 23h05, o documentário “Exílio Atlântico”, que recorda a passagem de cerca de 2.000 gibraltinos pela Madeira, na sua maioria mulheres e crianças, durante a Segunda Guerra Mundial. O documentário foi exibido pela primeira vez no Teatro Municipal Baltazar Dias em maio de 2019, aquando da deslocação anual do grupo de gibraltinos ao Funchal, que se continua a realizar até hoje, e da sua receção pela Presidência da Câmara Municipal, sendo que o convidado de honra foi Louis Pereira, atualmente com 93 anos.

Este documentário foi apoiado com uma verba de cinco mil euros pelo município do Funchal e é da autoria de Pedro Mesquita, que trabalha desde 1999 como diretor de fotografia e operador de câmara para canais televisivos e produtoras independentes, sendo de destacar as suas colaborações em projetos para o canal RTP 1, como “Consigo” e “Câmara Clara”. O argumento do documentário é partilhado com Mattew Alexander e a música original é de Joel Frias, sendo coproduzido pela Infiel e pela Kontratiempo.

Acrescente-se que, esta relação entre Gibraltar e o Funchal, que se prolonga há várias décadas, será também assinalada pelo Município do Funchal durante o próximo mês de agosto, com uma programação de atividades educativas.

De 11 a 18 de agosto estará patente no Átrio da Câmara Municipal do Funchal a exposição: “80 Anos da Chegada dos Gibraltinos à Madeira”. Esta mostra integra trabalhos de alunos/as das Escolas do Funchal, Universidade Sénior do Funchal e de um grupo de utentes do Ginásio da Barreirinha. Os trabalhos são resultado do projeto educativo “Desvendando memórias dos Gibraltinos”, que foi dinamizado este ano pela Autarquia.

Paralelamente, será também apresentada uma pequena exposição com algumas fotos sobre este episódio da passagem dos Gibraltinos pela Madeira.