RTP não garante Elisa na Eurovisão 2021

Catarina Gouveia

A RTP ainda não contactou Elisa com o objetivo de convidar a vencedora do Festival da Canção de 2020 para representar Portugal no Festival Eurovisão da Canção de 2021.

É, por isso, pouco provável a presença da madeirense no festival musical, cuja edição deste ano foi cancelada.

Com o cancelamento da edição deste ano da Eurovisão, que nunca tinha tido uma pausa desde 1956, foram vários os países a decidir escolher como representantes para 2021 aqueles que tinham sido selecionados este ano, mas que ficaram impedidos de participar no certame europeu devido ao seu cancelamento, resultante do surto de Covid-19.

Ainda que várias emissoras se tenham logo pronunciado acerca do que seria decidido, a emissora pública portuguesa remeteu-se ao silêncio, afirmando, contactada pelo site Espalha-Factos, que apenas “caberá a cada país participante ponderar e decidir como proceder internamente", não garantindo a presença de Elisa na Eurovisão de 2021.

O objetivo da RTP será manter o Festival da Canção nos seus moldes atuais, escolhendo um novo representante e uma nova canção no início do próximo ano, segundo afirmou Elisa ao site ESC Portugal, informação entretanto confirmada ao JM pela cantora pontassolense.

Com a ausência, até agora, de um convite por parte da emissora para uma participação no festival em 2021, tal “é provável que não aconteça”, disse Elisa ao nosso Jornal.

Elisa acrescentou ainda que aceitar ou não um convite por parte da RTP para participar novamente no Festival da Canção, ou uma eventual escolha interna para a Eurovisão, é uma questão sobre a qual a mesma e Marta Carvalho, compositora do tema, ainda não pensaram.

Note-se que de acordo com o regulamento da Eurovisão, as canções deste ano não são elegíveis para competir no regresso do concurso, em 2021. Ainda assim, de acordo com a sua vontade, as emissoras participantes têm livre decisão na escolha do artista, podendo ser o mesmo deste ano ou um outro.

Elisa, natural da Ponta do Sol, venceu o Festival da Canção com a canção ‘Medo de Sentir’. Iria representar Portugal num dos maiores eventos musicais do mundo, que se realizaria em maio, nos Países Baixos.