Faleceu Claudine Auger, a primeira 'Bond Girl' francesa

A primeira estrela francesa a interpretar uma Bond Girl, Claudine Auger, morreu na quinta-feira em Paris, aos 78 anos.

De acordo com o Notícias ao Minuto, o óbito foi confirmado pela agência Time Art, que não indica a causa da morte.

Sendo mais conhecida pelo seu papel como Dominique Derval - ou Domino -, 'a performer' estreou-se na 'sétima arte' ao lado de Sean Connery no filme James Bond de 1965, '007 - Operação Relâmpago'. Durante o filme, Claudine integrou várias cenas de ação, nomeadamente durante mergulho.

Claudine trabalhou como modelo antes de ganhar projeção no mundo do cinema e foi também Miss França em 1958. Depois de integrar o elenco do filme de ação, a atriz foi convidada a participar em diversos filmes italianos, franceses e espanhóis, onde se inclui 'O Triângulo Diabólico das Bermudas' (1978), 'Credo' (1983), e 'Amor Sem Palavras' (1991).

'O Vermelho e o Preto', que data de 1997, foi a última película em que a Bond Girl entrou e onde teve oportunidade de desempenhar o papel de Madame de Fervaques.